# OPAS organiza evento para promover a alimentação saudável e sustentável | Green FM
terça-feira , 26 março 2019
Home /
OPAS organiza evento para promover a alimentação saudável e sustentável
foto divulgação

OPAS organiza evento para promover a alimentação saudável e sustentável

A Representação no Brasil da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) realizou nesta segunda-feira (25) o evento “Café com Saúde”, a primeira de uma série de iniciativas para promover a alimentação saudável e sustentável. A data escolhida também marcou o Dia Laranja pelo fim da violência contra as mulheres e meninas e a equipe da OPAS reunida para o café da manhã escolheu este tom para celebrar a ocasião.

A consultora nacional de nutrição da OPAS/OMS, Alice Medeiros, explicou que alimentos in natura ou minimamente processados são a base para uma alimentação nutricionalmente balanceada, saborosa, culturalmente apropriada e promotora de um sistema alimentar socialmente e ambientalmente sustentável. Em referência ao dia, ela destacou importância dos alimentos com betacaroteno, pigmento carotenoide presente em legumes e frutas como cenoura, abóbora, manga, mamão e laranja.

“Alimentos in natura são aqueles obtidos diretamente de plantas ou de animais e adquiridos para consumo sem que tenham sofrido qualquer alteração após deixarem a natureza, como folhas e frutos ou ovos e leite. Alimentos minimamente processados são alimentos in natura que foram submetidos a alterações mínimas, a exemplo dos grãos secos polidos ou moídos na forma de farinhas, cortes de carne resfriados ou congelados e leite pasteurizado”, afirmou Alice.

Já os alimentos processados (queijo, pães, geleias, frutas em calda) devem ser consumidos em pequenas quantidades. Outro hábito essencial é evitar os alimentos ultraprocessados, que estão fortemente associados a sobrepeso, obesidade e doenças crônicas não transmissíveis. Entre eles, estão vários tipos de biscoitos, sorvetes, misturas para bolo, barras de cereal, sopas, macarrão e temperos “instantâneos”, salgadinhos “de pacote”, refrescos e refrigerantes, iogurtes e bebidas lácteas adoçadas e aromatizadas.

Para economizar na compra de legumes, verduras e frutas, uma opção é levar para casa variedades que estão na época de colheita. “Isso garante produtos mais frescos e saborosos, de menor preço e maior qualidade”, diz Alice. Outra dica é adquirir esses alimentos em locais onde há menos intermediários entre o agricultor e o consumidor final, como feiras e grupos coletivos de compras.

Mais informações sobre alimentação saudável e sustentável podem ser lidas no “Guia alimentar para a população brasileira” e no estudo “Alimentos y bebidas ultraprocesados en América Latina: tendencias, efecto sobre la obesidad e implicaciones para las políticas públicas” (disponível em espanhol e inglês).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top