quarta-feira , 13 dezembro 2017
NOVIDADES GREEN
Home / Notícias / Poluição do ar coloca em risco a saúde de bebês ainda em gestação
Poluição do ar coloca em risco a saúde de bebês ainda em gestação
Foto: Kewei Hu

Poluição do ar coloca em risco a saúde de bebês ainda em gestação

Não é de hoje que sabemos que a poluição do ar é ruim para nossos pulmões, mas um novo estudo mostra que a sujeira na atmosfera pode prejudicar até mesmo um bebê que ainda não deixou o útero.

Pesquisadores do Imperial College de Londres encontraram uma associação entre a exposição à poluição do tráfego rodoviário e o aumento do risco de nascimentos de bebês abaixo do peso.

Um baixo peso ao nascer, inferior a dois quilos, pode levar a problemas de saúde para alguns bebês, como dificuldades respiratórias, aumento do risco de infecção e baixo nível de açúcar no sangue. A longo prazo, os bebês nascidos com um baixo peso são mais propensos a desenvolverem doenças cardíacas, hipertensão arterial e outras condições de saúde.

Os pesquisadores analisaram 540 mil bebês nascidos entre 2006 e 2010 na região metropolitana de Londres. Em seguida, compararam essa informação com as concentrações de poluição do tráfego nos seus respectivos endereços.

O estudo foi realizado na capital britânica, mas seus autores apontaram que as descobertas também se aplicam a outras cidades ao redor do mundo e pedem aos governos que abordem a questão dos veículos altamente poluentes em áreas urbanas.

A pesquisa, publicada nesta quarta-feira (06) no British Medical Journal, vem ao mesmo tempo que uma nova análise do Unicef ​​determinou que 17 milhões de bebês menores de um ano estão respirando ar tóxico, o que pode causar danos ao tecido cerebral e prejudicar o desenvolvimento cognitivo.

A publicação original do novo estudo do Imperial College de Londres no British Medical Journal pode ser lida (em inglês) AQUI.

Comentários
Scroll To Top