quinta-feira , 19 outubro 2017
Open Popup
NOVIDADES GREEN
Home / Notícias / Arquitetos transformam “Inferno” em “Selva”
Arquitetos transformam “Inferno” em “Selva”
imagem divulgação

Arquitetos transformam “Inferno” em “Selva”

No dia 20 de abril, a cidade de São Paulo recebe seu mais novo clube noturno, chamado ”Selva”. Fundada pelos sócios Junior Passini e Fabio Balestro, a casa fica localizada na Rua Augusta, berço de diversas boates e bares frequentados pelo público jovem no centro da cidade.

O projeto apresenta uma programação de festas pluralizada, ambientação temática e uma preocupação muito grande com a sustentabilidade, além de personalidade arquitetônica e cenográfica. O empreendimento pode ser considerado, de certa forma, mais um levante de resistência na região, já que muitos imóveis residenciais têm mudado as características de uma das ruas mais famosas e boêmias do Brasil.

A estética do local é uma atração à parte. Reconstruída quase do zero, no famoso endereço 501, que antes abrigava o Inferno Club. A casa foi projetada pelo escritório MM18 Arquitetura, que criou um espaço mais amplo, modulado e com elementos cenográficos arrojados. O projeto transformou o clube em um lugar mais aconchegante e otimizado. A MM18 é famosa por suas intervenções artísticas e ambientações grandiosas em seus projetos, com trabalhos de sucesso em casas e espaços públicos como Club Yacht, Cine Joia, Lions, PanAm, Ramona e Mirante 9 de Julho.

Abusando de efeitos e luzes em forma de plantas selvagens, além de uma iluminação feita exclusivamente para o clube, o projeto também apresenta acesso e circulação feitos para todos os tipos de público, incluindo um número de banheiros duas vezes maior que na casa noturna anterior no endereço, e espaços com acessibilidade. A Selva também vai oferecer uma estrutura de som projetada para apresentações nacionais e internacionais de médio porte, além de festas famosas na capital paulista e em todo o país.

Falando em música, a grade de eventos da casa será bastante versátil e moderna, cada dia com suas peculiaridades e gêneros musicais em destaque. As quartas reforçam o fenômeno do funk. Já as quintas serão tomadas pelo hip-hop nacional e internacional. As sextas e os sábados trazem festas mais plurais, que vão atender diversos tipos de gostos, com sets de pop, rock, além de vertentes da música eletrônica. Já os domingos serão recheados de festas com muita música brasileira e latina, além de shows autorais.

Os proprietários apostam na ambientação e arquitetura inéditas na Rua Augusta e no inusitado, incluindo um pouco de suas personalidades e experiências noturnas. Junior Passini, paulista de 32 anos, mas com 10 de trabalho na noite, mistura sua formação de Jornalista com seu know-how como produtor artístico. Depois de trabalhar como Diretor Artístico e produzir em algumas casas em São Paulo e de gerenciar sua produtora de festas “Rocknbeats”, com eventos em mais de 80 cidades pelo Brasil, resolveu investir em sua própria base. Já o empreendedor Fabio Balestro, gaúcho de 34 anos, é advogado e também mestre em Relações Internacionais, formado na UFRGS. Ele já foi sócio do Margot Bar & Club, de Porto Alegre, uma casa toda inspirada nos filmes do diretor Wes Anderson.

Serviço:
Selva
Endereço: Rua Augusta, 501 – Consolação, São Paulo – SP
Capacidade: 500 pessoas
Horário: A partir das 23h00 (Quarta a Sábado) e das 18h00 (Domingo)
Estacionamento logo ao lado
Infos: http://www.selva.club/

Comentários
Scroll To Top
Shares